Hello stranger!!

ff1

 

 

 

Di – amantes.

 

E eu tive certo receio quando te vi ali deitado com os olhinhos lânguidos procurando os meus, a boca molhada desejando a minha e quase não mais sussurrando: você é um encanto!

Encantada era a situação. Encantada foi a situação do ontem.

 

E pouco tempo depois rolávamos os dois nos colchões finos, chão frio. E entre sussurros e gemidos e desejos contávamos as nossas histórias.

 

Você tão descomplicado! Apertando-me quem sabe pra fazer sair de mim todo o sofrimento e mágoa de outrora. Entende que eu sou uma bagunça, uma criança e diz que minha voz é bonita. Nada se irrita com a minha pouca tolerância e compreensão. Pouco se dá se vibramos em freqüências tão distorcidas!

 

Você tão corajoso e destemido de me fazer te olhar depois de uma noite desconhecida pra mim. Por que tantas vezes não enxergamos o estranho que dorme do nosso lado? Porque que tantas vezes olhos estranhos nos invadem?

 

Sabe, eu estava cansada. Eu estava machucada. Você vem e me mostra que ainda pode haver expectativas. Ainda pode haver toques lascivos.

 

Sim. Você é o meu homem. Você pode ser meu homem.

 

Sempre soubemos que essas pedras gélidas que tanto nos encantava na infância nos daria ainda algo de tão ardente.

 

Agora que nos conhecemos, você se importa de nunca mais nos vermos? Assim, enquanto não estamos ainda impregnados de possessividade e descontentamentos.

 

 

Agora que nos conhecemos, você pode me salvar?  Deste bando de loucos
que suspeitam que nunca irão amar ninguém.

 

 

 

Sim. Estou exausta de protagonizar histórias complicadas e sujas.

 

Goodbye stranger..

 

Anúncios

1 comentário (+adicionar seu?)

  1. raul
    abr 23, 2009 @ 20:53:50

    “amores imperfeitos são as flores da estação”? rs.

    e pra todo lugar que eu vejo só enxergo isso.
    o que era pra ser meu espaço de racionalidade hoje virou uma contemplação meditativa envolvendo apenas duas flores, ao invés de toda a primavera, como planejado. me deparar com seu texto foi, de certa forma, realizar que minhas divagações não só minhas, mas mudam apenas os atores e os cenários.

    belas referências, muito bem “encaixadas e conjunturadas”. hahahaha.

    bisous, ma belle.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: